LÍNGUAS CLÁSSICAS

Página de Estudos das Fontes Pesquisadas

    Carta a Frei Leão - Introdução

    Está conservada na catedral de Espoleto, em um pergaminho com a própria letra do santo. Não há manuscritos que a tenham copiado. A primeira cópia conhecida é de 1604, quando levaram o pergaminho para comparar com o doBilhete a Frei Leão, que contém a Bênção e os Louvores a Deus Altíssimo. Wadding copiou-a em 1623. Não há dúvida quanto à autenticidade: é bem o estilo de Francisco, numa linguagem bastante incorreta. Mas fala ao coração, “como uma mãe”. Parece que, durante séculos, esse texto foi usado como uma relíquia, para dar bênçãos. Em 1860, quando foi supresso o convento dos conventuais em Espoleto, onde era guardada, passou para a catedral. Um pároco, em 1895 queria vendê-la aos americanos. Falloci Pulignani levou a questão ao Papa Leão XIII, que deu uma pensão anual de 200 liras ao pároco para ficar com a relíquia no Vaticano. Depois, deu-a de novo à catedral de Espoleto...