LÍNGUAS CLÁSSICAS

Página de Estudos das Fontes Pesquisadas

  • Fontes Franciscanas
  • Escritos de São Francisco
  • Cartas
  • Carta 2 aos Custódios

TEXTO ORIGINAL

2 Epistola ad Custodes II

1 Universis custodibus Fratrum Minorum, ad quos istae litterae pervenerint, frater Franciscus, minimus servorum Dei, salutem et sanctam pacem in Domino.

2 Scitote, quod in conspectu Dei sunt quaedam res nimis altae et sublimes, quae aliquando reputantur inter homines pro vilibus et abiectis;

3 et aliae sunt carae et spectabiles inter homines, quae coram Deo tenentur pro vilissimis et abiectis.

4 Rogo vos coram Domino Deo nostro, quantum possum, quod litteras illas, quae tractant de sanctissimo corpore et sanguine Domini nostri, detis episcopis et aliis clericis;

5 et memoria retineatis, quae super his vobis commendavimus.

6 Aliarum litterarum, quas vobis mitto, ut eas detis potestatibus, consulibus et rectoribus, et in quibus continetur, ut publicentur per populos et plateas Dei laudes, facite statim multa exem-plaria,

7 et cum magna diligentia eas porrigite illis, quibus debeant dari.

TEXTO TRADUZIDO

2 Carta aos Custódios II

1 A todos os custódios dos Frades Menores, a quem chegar esta carta, Frei Francisco, mínimo dos servos de Deus, [deseja] saúde e santa paz no Senhor.

2 Deveis saber que, diante de Deus, há algumas coisas muito altas e sublimes que, às vezes, são tidas entre os homens como vis e abjetas;

3 e há outras que são caras e respeitáveis entre os homens mas, diante de Deus, são tidas como vilíssimas e abjetas.

4 Eu vos rogo diante de Deus nosso Senhor, quanto posso, que deis aos bispos e outros clérigos aquela carta que trata do santíssimo corpo e sangue de nosso Senhor;

5 e guardeis na memória aquilo que vos recomendamos sobre essas coisas.

6 Fazei imediatamente muitos exemplares da outra carta que vos estou enviando, para dá-los aos “podestás”, aos cônsules e regentes, e nas quais está contido, para serem publicados pelos povos e praças os louvores de Deus.

7 e a ofereçais com grande diligência àqueles a quem deve ser dada.