LÍNGUAS CLÁSSICAS

Página de Estudos das Fontes Pesquisadas

    TEXTO ORIGINAL

    Vita Sancti Francisci - 58

    58. 1 Nam, etsi quando haec vel illa dicere cogitasset, accidit ut ad praedicandum veniens omnium illorum quae praecogitarat oblitus, omnino quid diceret non haberet; 2 sed nec tunc quidem defectum suum confiteri coram cunctis erubuit, et sic subito mira verborum eloquentia affluere coepit. 3 Sic spe tota iugiter in solius Domini provida largitate suspensus, de propria penitus diffidebat industria, eademque mentis constantia multis loquebatur ut paucis, eadem diligentia uni soli praedicavit ut multis. 4 Nullius quoque verebatur personam, quin aequanimiter sapientibus et indoctis, magnisque loqueretur et parvis.5 Nam et cardinalibus coram domino papa Honorio congregatis constantissime praedicavit, non utique tam verborum simplicitate movens ad risum, quem mirando spiritus fervore compunctionis extorquens suspirium.

    TEXTO TRADUZIDO

    Vida de São Francisco - 58

    58. 1 Pois, ainda quando pensava em dizer isso ou aquilo, acontecia que ao chegar para pregar, esquecido de tudo que tinha pensado, ficava sem nada a dizer. 2 Mas então se envergonhava de confessar diante de todos sua falha e assim as pala­vras começavam a fluir de repente com maravilhosa eloqüência. 3 Assim, punha toda sua esperança só na generosa magnani­midade do Senhor, desconfiando totalmente da própria capacidade; e falava com a mesma constância a muitos ou a poucos, pregava com a mesma diligência a um ou a muitos. 4 Não tinha medo de ninguém, mas falava da mesma forma a sábios e a ignorantes, a grandes e a pequenos. 5Pregou também com muita constância aos cardeais reunidos com o senhor Papa Honório, certamente não tanto com a simplicidade que leva ao riso, mas com o extraordi­nário fervor de espírito que arranca o gemido da compunção.