LÍNGUAS CLÁSSICAS

Página de Estudos das Fontes Pesquisadas

    TEXTO ORIGINAL

    Vita Sancti Francisci - 59

    59. 1 Igitur vir iste sanctissimus, qui sibi et proximis utiliter dividere tempora novit, quadam vice relictis ex more saecularium turbis, locum solitudinis petiit, paucosque, qui suam ab omni incursantium tumultu quietem defenderent, secum duxit. 2 Cupiebat enim ad tempus soli Deo vacare, et si quid pulveris ex hominum conversatione forsitan contraxisset, extergere. 3 Cumque, mentis aliquantulum continuata quiete, contemplationis fructum sapidius degustasset, totis praecordiis desiderabat agnoscere, quid agendo sacrificium de se Domino magis gratum posset offerre. 4 Iam vir mirandae virtutis consummaverat, cum se adhuc vix incepisse credebat. 5 Summum eius studium fuerat ad anteriora se semper extendere, et retroacta quasi in nihilum computare. 6 Cupiebat igitur adhuc de novo omnes corporis passiones cunctasque mentis pati angustias, quo perfectius compleretur in ipso beneplaciti divini voluntas.

    TEXTO TRADUZIDO

    Vida de São Francisco - 59

    59. 1 Por isso, esse homem santíssimo que sabia dividir o tempo utilmente para si e para os outros, afastou-se uma vez das pessoas seculares, como costumava, para dirigir-se a um lugar solitário, levando consigo apenas uns poucos que protegessem a sua tran­qüilidade de qualquer tumulto dos que aparecessem. 2 Pois queria ficar por um tempo a sós com Deus e sacudir o pó (Mt 10,14) eventualmente recolhido na convivência com as pessoas. 3 Quando, com uma tranqüilidade da mente um pouquinho mais prolongada, saboreava melhor o fruto da contemplação, desejava conhecer com todo o coração o que deveria fazer para ofere­cer ao Senhor o mais grato sacrifício de si mesmo. 4 Era já um ho­mem de consumada virtude mas julgava estar apenas co­meçando. 5 Seu maior esforço sempre fora projetar-se para as coisas anteriores e contar como nada o que ficara para trás. 6Deseja­va suportar de novo todos os sofrimentos corporais e angústi­as espirituais, para que nele se cumprisse mais plenamente o bene­plácito da vontade divina.