LÍNGUAS CLÁSSICAS

Página de Estudos das Fontes Pesquisadas

    TEXTO ORIGINAL

    Prima Vita (1Cel) - 25

    25. 
    1 Statim autem vir alter civitatis Assisii eum secutus est, qui valde in conversatione laudabilis exstitit, et quod sancte coepit sanctius post modicum consummavit. 
    2 Hunc vero, post non multum temporis (cfr. Mat 25,19), sequitur frater Aegidius, vir simplex et rectus ac timens Deum (cfr. Iob 1,8; 2,3), qui longo tempore durans, sancte, iuste ac pie vivendo (cfr. Tit 2,12), perfectae obedientiae, laboris quoque manuum, vitae solitariae, sanctaeque contemplationis nobis exempla relinquit. 
    3 His autem alio uno apposito, frater Philippus septenarium numerum adimplevit, cuius Dominus munditiae calculo labia tetigit (cfr. Is 6,6-7), ut loqueretur de ipso dulcia et melliflua eructaret, 
    4 Scripturas quoque sacras intelligens et interpretans, cum non didicerit (cfr. Ioa 7,15), illorum imitator effectus est, quos idiotas et sine litteris (cfr. Act 4,13) fore Iudaeorum principes causabantur.

    TEXTO TRADUZIDO

    Primeira Vida (1Cel) - 25

    25. 
    1 Logo o seguiu outro cidadão de Assis, que teve vida muito louvável e, depois de pouco tempo, terminou ainda mais santamente o que santamente começara. 
    2 Não muito depois seguiu-o Frei Egídio, homem simples, reto e temente a Deus, que teve uma longa vida, justa, piedosa e santa, e nos deixou exemplos de obediência perfeita, de trabalho braçal, de recolhimento e de santa contemplação. 
    3 Depois desses, deixando fora um outro, Frei Felipe completou o número sete. Seus lábios foram purificados pelo Senhor com a brasa da pureza, para dizer a seu respeito coisas doces e melífluas. 
    4 Entendia e interpretava também as Escrituras, sem as ter estudado mas tendo-se tornado o imitador delas, como aqueles que os príncipes dos judeus desprezavam como ignorantes e iletrados.