LÍNGUAS CLÁSSICAS

Página de Estudos das Fontes Pesquisadas

  • Fontes Franciscanas
  • Fontes Biográficas
  • Tomás de Celano
  • Segunda Vida (2Cel)

TEXTO ORIGINAL

Secunda Vita (2Cel) - 141

Caput CIII - De humilitate ipsius ad Episcopum Interamnensem et ad quemdam rusticum.

141 
1 Praedicante ipso aliquando populo Interamnensi, commendans eum episcopus civitatis, coram omnibus, finita praedicatione, sic ait: “Hac novissima hora (cfr. 1Ioa 2,18) illustravit Deus Ecclesiam suam isto pauperculo et despecto (cfr. Is 53,3; 66,2), simplici et illiterato; 
2 propter quod tenemur Dominum semper laudare (cfr. Ps 146,1), scientes quod non fecit taliter omni nationi (cfr. Ps 147,20)”. 
3 Quibus sanctus auditis (cfr. Gen 50,17), miro acceptavit affectu, quod verbis tam expressis contemptibilem ipsum indicasset episcopus. 
4 Et intrantibus ecclesiam, procidit ad pedes (cfr. Mar 5,22) episcopi, dicens: “In veritate (cfr. Ps 110,8), domine episcope, magnum honorem mihi fecisti, quoniam quae mea sunt, auferentibus aliis, tu solus illaesa servasti. 
5 Separasti, inquam, pretiosum a vili (cfr. Ier 15,19), sicut discretus homo, Deo laudem, mihi vilitatem reddendo (cfr. Luc 18,43)”.

TEXTO TRADUZIDO

Segunda Vida (2Cel) - 141

Capítulo 103 - Sobre a sua humildade diante do bispo de Terni e diante de um homem rude.

141 
1 Numa ocasião em que foi pregar ao povo de Terni, no fim do sermão o bispo da cidade o elogiou deste modo diante de todos: “Nestes últimos tempos, Deus iluminou sua Igreja com este pobrezinho desprezível, simples e ignorante. 
2 Temos que louvar sempre o Senhor, pois sabemos que não agiu dessa maneira com todas as nações”. 
3 Ouvindo isso, o santo ficou muito contente: o bispo tinha mostrado bem claro como ele era desprezível. 
4 Quando entraram na igreja, lançou-se aos pés do bispo dizendo: “Na verdade, senhor bispo, fizeste-me uma grande honra, porque foste o único que conservou o que é meu. Os outros tiram. 
5 Tiveste a discrição de separar o que é precioso do que não presta, dando o louvor a Deus e a mim o desprezo”.